TAP Transporta 47% Dos Passageiros De/Para Lisboa No Segundo Trimestre

A TAP foi a companhia aérea de 47% dos passageiros que voaram de/para Lisboa no segundo trimestre, de acordo com a autoridade aeronáutica portuguesa ANAC, cujos dados mostram que a companhia aérea transportou mais passageiros que as outras nove maiores concorrentes juntas. 

(© PressTur)

A informação da ANAC indica que a segunda maior companhia aérea manteve-se a Ryanair, com uma quota do total de passageiros do Aeroporto Humberto Delgado de 12%, e que TAP e Ryanair foram no segundo trimestre as únicas companhias aéreas a terem quotas de dois dígitos, já que a nº 3, a easyJet Europe, teve 7%, 

Seguem-se Vueling e Lufthansa, com 3% cada, SATA Internacional, Transavia France, easyJet Airline, Air France e Iberia com 2% cada, pelo que as nove maiores companhias aéreas depois da TAP somaram 35%, menos 12 pontos que a companhia aérea portuguesa. 

A mesma informação mostra, também, que a TAP é a companhia aérea que está mais longe de atingir a quota de mercado que tinha no trimestre homólogo de 2019, pré-pandemia, em que, segundo a ANAC foi a transportadora em que voaram 51% dos passageiros desse período. 

Os dados da ANAC indicam que no segundo trimestre deste ano 7,61 milhões de passageiros voaram de/para Lisboa, menos cerca de 570 mil que no 2º trimestre de 2019, com a quebra devendo-se integralmente à TAP, mas a publicação de quotas de mercado ‘arredondadas’ retira rigor a essas avaliações. 

Comentários