Destaque Da Semana

Emirates Transporta 15,8 Milhões De Passageiros Em 2020

airBaltic Sofre Perdas No 1º Semestre Em Torno De EUR 61,5M

Como resultado da crise do Coronavirus, as receitas e o número de passageiros transportados pela companhia aérea letã airBaltic diminuíram significativamente e, de acordo com os resultados financeiros consolidados não auditados da airBaltic nos primeiros seis meses de 2021, o grupo sofreu perdas de EUR 61,5 milhões.

Martin Gauss, CEO da airBaltic: “Embora nossa receita nos primeiros seis meses de 2021 tenha diminuído ainda mais, este verão se mostrou mais promissor, pois conseguimos transportar um número maior de passageiros do que nos meses de verão de 2020 e reduzir nossa perda líquida três vezes em comparação com os seis meses de 2020.”

“Com a redução significativa de custos realizada em 2020 e focando apenas no Airbus A220-300, estamos agora em uma posição muito melhor para o futuro retorno ao normal. A visão central da airBaltic para o futuro permanece a mesma - ser a transportadora número um no Báltico, fornecendo a melhor conectividade de e para a região”, acrescentou Martin Gauss.

Durante os primeiros seis meses de 2021, a receita do grupo atingiu EUR 50,0 milhões ou 40% menos que no mesmo período do ano passado. O número de passageiros transportados e os voos realizados pela companhia aérea diminuíram 59% e 51%, respetivamente.

H1 2021 > EUR 50,0M receitas > EUR 61,5M prejuizo líquido > 0,3M pax > 6.110 voos

H1 2020 > EUR 82,5M receitas > EUR 184,8M prejuízo líquido > 0,8M pax > 12.501 voos


2020/2021 (Mudanças)

Receitas - 40%

Prejuízo Líquido - N/A

Passageiros - 59%

Voos - 51%