Destaque Da Semana

UNWTO: Ministros Do Turismo Do G20 Comprometem Uma Recuperação Sustentável

Os Ministros do Turismo das nações do G20 se comprometeram a intensificar seus esforços para colocar a sustentabilidade, e a inclusão, no centro da recuperação do turismo, e do crescimento futuro - onde a implementação do Quadro AlUla da Organização Mundial do Turismo para o Desenvolvimento da Comunidade Inclusiva através do Turismo, apresentado por ocasião da Reunião Ministerial, foi saudada pelos Ministros do Turismo do G20 como uma ferramenta para alcançar um setor mais justo, e inclusivo.

Ministros de Turismo dos países do G20. (© Google Imagens)

Sob a liderança da Presidência Saudita do G20 de 2020, a OMT e o Grupo de Trabalho do Turismo do G20 desenvolveram o Quadro AlUla para avançar ainda mais na contribuição do setor como um meio eficaz para um crescimento mais justo e avançar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

A Estrutura fornece recomendações e ferramentas específicas para apoiar os governos, bem como todas as outras partes interessadas importantes no setor do turismo - incluindo governos regionais e locais, setor privado, associações industriais, sociedade civil, comunidades e turistas - promovendo uma abordagem verdadeiramente holística e integrada ao desenvolvimento comunitário inclusivo por meio do turismo.


As Nações Do G20 Podem Dar O Exemplo

O Secretário-Geral da OMT, Zurab Pololikashvili, disse: “À medida que unimos forças para reiniciar o turismo, devemos cumprir nossa responsabilidade de garantir que os benefícios do turismo sejam compartilhados por todos. Parabenizo a Presidência Saudita por colocar o desenvolvimento comunitário inclusivo por meio do turismo no centro da Agenda do G20 e convido os países do G20 a seguir essa visão e abraçar o turismo como um meio eficaz de inclusão e sustentabilidade.”

Sua Excelência Ahmed Al Khateeb, Ministro do Turismo da Arábia Saudita e Presidente da Reunião de Ministros do Turismo do G20, deu as boas-vindas ao Marco Alulla, dizendo: “Em nome dos Ministros do Turismo do G20, felicito o Grupo de Trabalho do Turismo, e a OMT, por esta iniciativa. O AlUla Framework - que leva o nome do primeiro patrimônio mundial da UNESCO da Arábia Saudita - demonstra como o setor do turismo pode promover o desenvolvimento comunitário inclusivo, destacando exemplos práticos e estudos de caso que os governos podem imitar para proteger a cultura local, e o meio ambiente, ao mesmo tempo que empoderam as comunidades locais, especialmente as mulheres, e jovens. A Estrutura é uma ferramenta vital a ser usada enquanto trabalhamos juntos para reconstruir o setor de turismo para ser mais sustentável, resiliente e inclusivo."


Colocar O Turismo No Centro Das Políticas De Desenvolvimento

Apelando a um modelo de desenvolvimento do turismo baseado em parcerias Público-Privadas-Comunidade (PPC), o Quadro inclui um conjunto de programas e iniciativas concretos baseados em quatro pilares de ação - capacitação, proteção, prosperidade e colaboração. Além disso, define as principais áreas de medição para o impacto do turismo nas comunidades, de acordo com a Iniciativa Measuring Sustainable Tourism Initiative, liderada pela OMT.

Entre as Diretrizes do G20 para o Desenvolvimento Comunitário Inclusivo por meio do Turismo endossadas na reunião, está a importância de colocar o turismo no centro das políticas de desenvolvimento em nível internacional, nacional e local. As Diretrizes enfatizam ainda a importância do desenvolvimento do capital humano, mercados de trabalho inclusivos, proteção social adequada, e inovação e empreendedorismo, como contribuintes-chave para viagens e turismo como um setor centrado no ser humano, bem como para promover o empoderamento das mulheres, e criar empregos decentes para todos.

Comentários