Destaque Da Semana

Costa Cruzeiros Apresenta O "Protocolo De Segurança Costa"

TUI Care Foundation Anuncia Nova Iniciativa Sustentável Na República Dominicana

No Dia Internacional para a Conservação do Ecossistema de Manguezais, hoje, dia 27 de julho, TUI Care Foundation, a ONG alemã Global Nature Fund (GNF) e o Centro Dominicano de ONG´s para a Conservação e Eco-desenvolvimento da Baía de Samaná, e seus arredores (CEBSE), anuncia uma nova iniciativa, que visa proteger preciosas florestas de mangue no Parque Nacional Manglares del Bajo Yuna.


A área do projeto, o Parque Nacional e a cidade de Sanchez, está localizada na província de Samaná, no nordeste da República Dominicana. A iniciativa já começou a trabalhar em conjunto com as autoridades do parque para reduzir os impactos negativos da extração ilegal de madeira e outras atividades econômicas insustentáveis ​​no parque, enquanto trabalhava para restaurar 80 hectares de florestas de mangue degradadas. Essa restauração implicaria uma redução média de aproximadamente 5.000 toneladas de emissões de CO2 por ano. Além disso, oportunidades econômicas para pessoas em comunidades adjacentes serão promovidas ao aproveitar os serviços ecossistêmicos do parque. A sensibilidade ambiental e a administração dos tesouros naturais da República Dominicana serão estimuladas. O projeto é financiado pelo Ministério Alemão de Cooperação e Desenvolvimento Econômico, e pela TUI Care Foundation.

Frank Oostdam, membro do Conselho de Administração da TUI care Foundation, disse: “Embora o mundo esteja atualmente focado no combate à pandemia, precisamos agora estabelecer a base para um futuro mais sustentável. Proteger a natureza e o meio ambiente, e fortalecer os meios de subsistência locais que permanece no centro do trabalho da TUI Care Foundation - agora mais do que nunca. Nossa nova iniciativa multifacetada ajudará a proteger as florestas de mangue intocadas na República Dominicana, mas também criará oportunidades para as comunidades locais e capacitará os jovens locais a se tornarem embaixadores em um futuro sustentável.”

O prefeito da cidade de Sanchez, Sr. Inocêncio de Jesus Calcaño, disse: “A prefeitura de Sanchez está disposta a apoiar este projeto, porque visa melhorar a qualidade de vida de nossos municípios e melhorar o meio ambiente, que precisa muito desse apoio.”

Os manguezais têm a capacidade de acumular carbono orgânico no solo saturado de água que os cerca, tornando-os um dos habitat´s, que armazenam as maiores quantidades de CO2. Embora cruciais para o ecossistema marinho e as pessoas, os manguezais estão entre os ecossistemas mais ameaçados do mundo. Somente nas últimas décadas, perdemos mais de 50% da superfície do manguezal do mundo. Na República Dominicana, atividades insustentáveis ​​nos parques nacionais estão ameaçando seus serviços ecossistêmicos, cruciais para as pessoas que vivem na área e arredores. Isso coloca um enorme fardo para o futuro dos jovens dominicanos.

Apesar dos desafios apresentados pela crise do COVID-19, a iniciativa já iniciou um extenso diálogo com as partes interessadas. Por meio desse diálogo, o projeto estabelecerá um novo plano de gerenciamento e capacitará as autoridades do Parque Nacional Manglares del Bajo Yuna para proteger melhor a natureza intocada e os serviços ecossistêmicos do parque. Além disso, as instalações dos guardas florestais para melhor proteger as áreas mais valiosas do parque serão aprimoradas, e também, usadas para mostrar o parque aos turistas. As atividades lideradas pela equipe do projeto e guardas do parque nacional para restaurar 80 hectares de florestas de mangue envolverão a participação de mais de 1.500 pessoas da cidade de Sanchez, que por sua vez inspirariam a administração entre outras comunidades que vivem ao lado do parque. As imagens de satélite serão usadas para visualizar o processo de restauração e medir o impacto ao longo do projeto.

Com base na análise de oportunidades de negócios pró-biodiversidade, a iniciativa trabalhará em conjunto com associações de pescadores e mulheres para desenvolver produtos da pesca e campos locais com potencial de serem comercializados nas instalações turísticas da Baía de Samaná, criando efetivamente um valor agregado para os habitantes locais. Além disso, um programa desenvolvido com várias escolas ensinará 3.000 crianças sobre os tesouros naturais da República Dominicana, incluindo os serviços ecossistêmicos fornecidos pelo parque, criando assim um sentimento de orgulho entre a maior parte dos jovens de Sanchez.

O Dr. Thomas Schaefer, Chefe de Conservação do GNF, acrescenta: “É um prazer para nós colocar nossa experiência em conservação de zonas úmidas internacionais e desenvolvimento comunitário da Living Lakes Network, e as abordagens, mais recentes na avaliação de capital natural sobre a mesa com a extensa conhecimento saindo no local. Os manguezais estão entre as zonas úmidas costeiras mais importantes, e cruciais, para a preservação de nossa biodiversidade acima e abaixo da água.”

A ênfase nas atividades econômicas e na capacitação é crucial para o sucesso a longo prazo do projeto. Como o turismo é uma das fontes de renda mais importantes para os dominicanos, destacar o valor do capital natural da ilha por meio de suas áreas protegidas é uma abordagem importante para proteger essas áreas e apoiar o desenvolvimento de comunidades rurais. Algumas das oportunidades econômicas de diversificação, que podem ser aproveitadas por visitantes e moradores locais, incluem caiaque, observação de pássaros e visitas guiadas, e merchandising de produtos de origem local, como mel, marmelada e produtos à base de peixe. Um forte vínculo com o setor de turismo vibrante da ilha será importante para garantir o desenvolvimento sólido dessas empresas e para que as comunidades locais se beneficiem. É dada ênfase adicional à capacitação das organizações envolvidas para equipá-las com conhecimento e ferramentas para aumentar sua resiliência no contexto local.

Patricia Lamelas, diretora executiva do CEBSE, disse: “Este projeto traz oportunidades únicas para a região. Com a abordagem inovadora, podemos mesclar as questões mais importantes que enfrentamos na área, baseadas em atividades anteriores e abordagens estabelecidas de alto nível. A TUI Care Foundation desempenha um papel importante para unir as atividades de conservação às necessidades dos negócios turísticos. Muitas famílias, em Sanchez, se beneficiarão das atividades do projeto, e poderão melhorar seu sustento.”

Comentários