Destaque Da Semana

Korean Air Assegura KRW 2,2 Trilhões Para Superar O Covid-19

A Korean Air procura garantir 2,2 trilhões de KRW (US$ 1.7 bilhão) de fundos para superar a crise de liquidez causada pelo COVID-19. Em sua reunião de diretoria, ontem, a Korean Air decidiu planejar a emissão de novas ações para aumentar o KRW 1 trilhão, bem como métodos para receber ajuda do governo.

Airbus A380 da Korean Air.

A companhia aérea aumentará o capital integralizado, primeiro alocando ações recém-emitidas aos acionistas e, em seguida, abrindo as ações restantes ao público. Um total de 79.365.079 milhões de ações de suas ações está previsto para ser emitido em KRW 12.600 cada.

O número total de ações emitidas pela Korean Air aumentará de 95.955.428 para cerca de 175 milhões de ações. O preço final de emissão será confirmado, em 6 de julho de 2020, e a listagem de novas ações ocorrerá, em 29 de julho.

O conselho de administração da Korean Air decidiu receber 1,2 trilhão de KRW de ajuda governamental na forma de 700 bilhões de KRW de títulos lastreados em ativos com base em títulos de venda de carga e 300 bilhões de KRW em títulos perpétuos com direitos de conversão de ações por meio do Banco de Desenvolvimento da Coréia e do Bancoe Exportação e Importação da Coréia. O conselho também decidiu receber um empréstimo garantido por ativos de 200 bilhões de KRW.

A Korean Air continuará a executar medidas de auto-resgate para superar o ambiente comercial sombrio devido ao COVID-19. Como parte dos esforços da companhia aérea, seus executivos perdoaram até 50% de seus salários, e 70% dos funcionários, da companhia aérea, foram de licença - onde além disso, em um esforço para aumentar ainda mais a liquidez, a Korean Air está no processo de venda de ativos não essenciais, como terrenos no centro da cidade de Seul e ações da Wangsan Leisure Development Co., Ltd.