Delta Reduz Serviços Para A Coréia Do Sul Após Surto De Coronavírus

A Delta está reduzindo temporariamente o número de vôos semanais que opera entre os EUA e Seul-Incheon (ICN), Coréia do Sul, devido a preocupações globais de saúde relacionadas ao coronavírus (COVID-19)

De 29 de fevereiro a 30 de abril, a companhia aérea suspenderá o serviço entre Minneapolis/St. Paul (MSP) e ICN, com o último voo saindo de MSP para ICN amanhã 28 de fevereiro e saindo de ICN para MSP em 29 de fevereiro. A Delta também reduzirá para cinco vezes por semana seus serviços entre ICN e Atlanta, Detroit e Seattle até 30 de abril. O novo serviço de Incheon a Manila, programado para começar em 29 de março, agora começará em 1º de maio. Detalhes completos da programação estarão disponíveis no delta.com a partir de 29 de fevereiro.


A saúde e a segurança de passageiros e funcionários são a principal prioridade da Delta e a companhia aérea implementou uma série de processos e estratégias de mitigação para responder à crescente preocupação. A Delta permanece em contato constante com os principais especialistas em doenças transmissíveis do CDC, da OMS e das autoridades locais de saúde para responder ao coronavírus, bem como garantir que o treinamento, as políticas, os procedimentos e as medidas de limpeza e desinfecção da cabine atendam e superem as diretrizes.

Para os passageiros cujos itinerários são afetados pelas mudanças no cronograma, as equipes da Delta estão trabalhando para ajudá-los a ajustar seus planos de viagem, usando parceiros, quando apropriado.

Os passageiros com planos de viagem afetados podem acessar a seção Minhas Viagens do delta.com para ajudá-los a entender suas opções como reacomodação em outros vôos da Delta, reacomodação para vôos após 30 de abril, reacomodação nas companhias aéreas parceiras e solicitação de reembolso.

A Delta continua oferecendo isenção de taxa de alteração para passageiros que desejam ajustar seus planos de viagem para vôos entre os EUA e Coréia do Sul, China e Itália.


Comentários