Korean Air Recebe Luz Verde Da Austrália Sobre Combinação De Negócios Com A Asiana Airlines

Seul - A Comissão Australiana de Concorrência e Consumidores (ACCC) anunciou sua decisão de liberar a aquisição da Asiana Airlines pela Korean Air após realizar uma consulta de mercado sobre a fusão da Korean Air-Asiana Airlines com as partes interessadas. 

(© Bing Imagens)

A ACCC expressou que, embora a Korean Air e a Asiana sejam atualmente as únicas fornecedoras de voos diretos entre Sydney e Seul, a Qantas e a Jetstar iniciarão em breve os serviços nesta rota, permitindo uma concorrência efetiva. 

“Consideramos que o Qantas Group, que oferece voos na rota Sydney para Seul com suas companhias de serviço completo e de baixo custo, significa que provavelmente haverá concorrência efetiva”, disse a Presidente, ACCC, Gina Cass-Gottlieb. 

A Korean Air espera que a autorização da autoridade de concorrência australiana facilite e agilize os demais processos de aprovação. 

Desde que a companhia aérea enviou relatórios de combinação de negócios para os nove países que exigem relatórios em 14 de janeiro de 2021, a Korean Air recebeu a aprovação da Coreia, Turquia, Taiwan e Vietnã. A Comissão de Concorrência da Tailândia anunciou que a apresentação de um relatório de combinação de negócios não era necessária. 

De países onde os relatórios são arbitrários, a Korean Air também recebeu autorização de Cingapura e Malásia. As Filipinas confirmaram que o relatório de combinação de negócios não era necessário. 

A fim de finalizar o processo de aquisição, a Korean Air continuará a se comunicar e cooperar proativamente com os demais órgãos reguladores onde a comunicação é necessária, incluindo os Estados Unidos, a União Europeia, a China e o Japão, bem como o Reino Unido, onde a comunicação é necessária. 

Comentários