Destaque Da Semana

Booking: Otimismo, Flexibilidade E Novas Conexões Para As Viagens Em 2022

Aeroportos Espanhóis Esperam Ter 108 Milhões De Assentos Para O Inverno 21-22

A AENA, empresa que gere os aeroportos de Espanha, informou que as companhias aéreas que voam de/para o país programaram voos nessas rotas com um total de 108 milhões de lugares, superando a época homóloga pré-pandemia de 2019 em 4,2%.

A informação realça que para as Canárias o aumento da oferta atinge 20%, com 25,6 milhões de lugares, mas os dois maiores aeroportos do país, o Adolfo Suárez Madrid-Barajas e o Josep Tarradellas Barcelona El Prat, apenas se aproximam do total desse ano, respectivamente com 27,2 milhões e 20,4 milhões de lugares, em ambos os casos em baixa de 3%..

A informação, que assinala que a programação está sempre sujeita a alterações, especifica que em voos domésticos há um aumento de lugares previsível em 9%, para 41 milhões, e em voos internacionais a subida indicada é de 1%, para 67,4 milhões.

O número de movimentos (aterrissagens e decolagens) previsto é de 639 mil, em alta de 2,3% relativamente a o período homólogo pré-pandemia.

Reino Unido, Alemanha e Itália são as origens com maior número de lugares em voos de/para Espanha, no primeiro caso em baixa de 5%, para 12,4 milhões, e nos outros dois em alta de 5%, para 9,6 milhões, e de 12%, para 6,6 milhões, respectivamente.