Destaque Da Semana

IATA Alerta Governos Sobre Alto Custo De Testes De COVID-19

Lufthansa Group Flexibiliza Remarcação De Passagens Aéreas

Política é ampliada para a remarcação de passagens aéreas. Novas passagens aéreas adquiridas até 31 de março também poderão ser remarcadas sem o pagamento de taxas. Vôos já marcados com data de partida até 30 de abril podem ser remarcados uma vez até 31 de dezembro

As companhias aéreas do Lufthansa Group - Lufthansa, SWISS, Austrian Airlines, Brussels Airlines e Air Dolomiti estão disponibilizando regras mais flexíveis para remarcação de passagens aéreas - onde estas novas regras aplicam-se a reservas já existentes e reservas futuras, a nível mundial.


Opção Geral Para Remarcação De Futuras Reservas

Com efeito imediato até 31 de março de 2020, as companhias aéreas do Lufthansa Group cancelarão as taxas de remarcação de passagem para todos os novos vôos reservados globalmente, e oferecerão a possibilidade de remarcá-la uma vez gratuitamente independente das condições da reserva realizada originalmente. Os passageiros poderão remarcar sua viagem para uma nova data até 31 de dezembro sem o pagamento de taxas de remarcação.


Possibilidade De Remarcação Para Reservas Já Existentes

A nova política para reservas existentes é válida globalmente para passagens aéreas adquiridas antes de 5 de março com data de viagem até 30 de abril de 2020. Os passageiros podem remarcar seus vôos para uma nova data até 31 de dezembro 2020 sem o pagamento de taxas, independente das condições originais da reserva realizada.

Essas novas normas estabelecem que os aeroportos de partida e destino devem permanecer os mesmos. Se a tarifa original não estiver mais disponível, a diferença correspondente deverá ser paga - onde a remarcação de passagem aérea deve ser realizada antes da data original da viagem.

Em razão das circunstâncias excepcionais causadas pela epidemia de coronavirus, o Lufthansa Group está adotando uma nova política de remarcação de passagens aéreas, auxiliando os passageiros a flexibilizar seus planos de viagens.

Imagem: Google Imagens