Destaque Da Semana

IAG Relata Prejuízo Operacional De € 1,3 Bilhão No 4º Trimestre

Passaredo E MAP Linhas Aéreas Anunciam Novos Vôos No Aeroporto De Congonhas

Companhias terão 26 voos diários para sete diferentes destinos nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Mato Grosso do Sul

A Passaredo Linhas Aéreas S.A. (VOEPASS), em conjunto com a MAP Linhas Aéreas, o Governo de São Paulo e a Secretaria Estadual de Turismo anunciaram ontem (06), a nova malha aérea que será operada no aeroporto de Congonhas, a partir de 27 de outubro. Os vôos contemplam as cidades paulistas Ribeirão Preto, Bauru, Marília e Araçatuba, e ainda Dourados (MS), Uberaba (MG) e Macaé (RJ). A nova malha aérea, que terá 26 operações diárias totalizando 158 vôos semanais, será operada com aeronaves ATR 72–600, com capacidade para 70 passageiros.


O ingresso das companhias PASSSAREDO (VOEPASS) e MAP no mais cobiçado e rentável aeroporto do Brasil marca um novo momento do grupo, de consolidação, e crescimento. "A definição da nossa malha aérea, em Congonhas, foi focada no atendimento dos mercados regionais, servindo localidades carentes de serviços aéreos e com total autonomia", explica José Luiz Felício Filho, Presidente da Passaredo, que reforça ainda que o plano "São Paulo Pra Todos", desenvolvido pelo Governo de São Paulo, em conjunto com a ABEAR, foi fundamental para a definição das novas rotas ligando cidades paulistas.

Para o secretário estadual de Turismo, Vinicius Lummertz, os vôos da Passaredo permitirão uma redistribuição eficiente dos slots (pousos e decolagens) pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) permitindo aumento da concorrência e mais acesso ao aeroporto de Congonhas, além de promover melhorias no atendimento às novas localidades, e maior desenvolvimento regional.

"O ingresso das companhias Passaredo e MAP, em Congonhas, no momento em que o 'São Paulo Pra Todos' se consolida, abre um novo patamar para a aviação regional brasileira", reforça Eduardo Sanovicz, Presidente da ABEAR.


Expansão

Com a aquisição do controle acionário da MAP Linhas Aéreas pela VOEPASS - anunciado em agosto deste ano – as empresas passam a operar 35 destinos em todas as regiões do Brasil. "Após o início dos vôos no aeroporto da capital paulista, nossa projeção para os próximos 12 meses é de 1,5 milhões de passageiros", diz Eduardo Busch, CEO da Passaredo. Tanto a VOEPASS como a MAP fazem parte da ABEAR (Associação Brasileira das Empresas Aéreas).

Fonte: Phábrica de Ideias
Imagem: Google Imagens

Comentários


Banner 3