Destaque Da Semana

Iberia Reduz Estrutura Para Enfrentar Crise De Covid-19

FITI Abre Espaço Para Relatos De Experiências, E Confirma Palestrantes

Já está em vigência um edital do Fórum Internacional de Turismo do Iguassu (FITI) direcionado para apresentações de melhores práticas em turismo, estudos de caso e relatos de experiência. As submissões das propostas devem ser realizada até o dia 15 de maio com o preenchimento de um formulário anexo ao edital (disponível no link https://bit.ly/2VB3r1O).


O novo espaço tem como objetivo identificar, compreender, documentar e divulgar as melhores práticas no campo do turismo, da hotelaria, da gastronomia, do lazer e entretenimento, e áreas afins, fomentando as parcerias entre os atores turísticos e o compartilhamento de iniciativas ou inovações.

As experiências podem ser fruto de projetos de pesquisa, extensão e/ou inovação desenvolvidos durante o curso técnico, tecnológico, bacharelado, especialização, mestrado e doutorado, práticas de sucesso desenvolvidas pelo terceiro setor e pelo setor público municipal, estadual e nacional, ações de excelência apresentadas pelas empresas e Instâncias de Governança Regional, e devem responder as diversas demandas no campo do turismo, e áreas afins.

É desejável que as práticas, experiências e estudos de caso apresentem pelo menos um dos seguintes valores: replicabilidade; valorização do saber local; sustentabilidade econômica; sustentabilidade ambiental; autogestão; baixo custo; interdisciplinaridade/intersetorialidade; experiências memoráveis para hóspedes, visitantes, praticantes e consumidores do turismo, gastronomia, hotelaria, atividades de lazer e áreas afins; ou modelos de gestão reaplicáveis e empresas, organizações e governo.


Palestrantes Confirmados

A comissão organizadora do Fórum confirmou quais serão os dois palestrantes do evento. Dentro da temática “Competências Profissionais no Turismo”, a palestra de abertura será realizada no dia 13 de junho, às 19h, com a presença de Leilianne Michelle Trindade da Silva Barreto e Diego Bufquin.

Onde Leilianne Barreto destacou: “O Turismo é um setor extremamente dinâmico e o seu Mercado de Trabalho possui um cenário bastante competitivo. Os profissionais da área precisam acompanhar as mudanças constantes e buscar o desenvolvimento de competências alinhadas com as demandas do mercado, para alcançar o sucesso profissional.”

E de acordo com com Bufquin, “as competências profissionais no turismo são extremamente relevantes, e é preciso ser amplamente discutidas para que o setor do turismo se desenvolva qualitativamente no Brasil”. Em sua apresentação, ele vai retratar a evolução dos empregos na hotelaria.

O Fórum é promovido pela De Angeli Feiras em parceria com o Programa de Mestrado e Doutorado em Turismo e Hotelaria da Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI), com apoio da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), e diversas universidades e institutos brasileiros. Uma das novidades desta edição foi a criação de mídias sociais próprias do Fórum, no Instagram e Facebook.


Comentários