WestJet Recebe 787-9 Dreamliner Para Frota No Canadá

A Boeing entregou o primeiro dos dez 787 Dreamliners à WestJet, marcando o início da expansão global da companhia aérea

Tendo operado há muito tempo uma frota de jatos Boeing de um único corredor, a WestJet usará o 787-9 Dreamliner super eficiente e de longo alcance para atender a novas rotas internacionais.


"A entrega de hoje marca um novo capítulo para a WestJet", disse Ed Sims, presidente da WestJet, sediada em Calgary.

“O 787 Dreamliner da Boeing é uma das aeronaves tecnologicamente mais avançadas já voadas e é a plataforma perfeita para a nossa transição para uma operadora de rede global."

"Estamos ansiosos para trazer canadenses para o mundo e o mundo para o Canadá em conforto e estilo."

Nesta primavera, a WestJet usará o 787-9 - o Dreamliner de maior alcance que pode voar 7.635 milhas náuticas - para oferecer o primeiro voo de sempre que conecta Calgary e Dublin. A companhia aérea também oferecerá serviços non-stop Dreamliner entre Calgary - Londres-Gatwick e Calgary - Paris.

O 787 Dreamliner - o jato widebody de venda mais rápida da história, com cerca de 1.400 pedidos - permite que as companhias aéreas reduzam o consumo de combustível e as emissões em 20 a 25%, e sirvam a destinos distantes. O 787-9 da WestJet acomodará 320 passageiros em uma configuração de três classes.

“Estamos animados em receber nossos amigos da WestJet na família Dreamliner."

"A companhia aérea alcançou um crescimento impressionante com o Boeing 737 e agora usará o incomparável desempenho e conforto dos passageiros do 787 para lançar uma nova era global", disse Ihssane Mounir, vice-presidente sênior de vendas comerciais e marketing da Boeing.


Comentários