Destaque Da Semana

Aena Airports Recupera Tráfego De Passageiros Em 60% Em Agosto

OMT E Ministros Do Turismo Das Américas Se Reunem Para Relançamento Do Turismo

Encontro reuniu representantes dos principais destinos, incluindo o Brasil

República Dominicana - O ministro do turismo da República Dominicana, David Collado, em conjunto com outros 15 ministros de Turismo e quatro vice-ministros de diferentes países da América Latina, estabeleceram os acordos e mecanismos de colaboração para o relançamento do turismo na região, em uma reunião convocada pela OMT (Organização Mundial do Turismo). A abertura do evento foi liderada pelo presidente da República Dominicana, Luis Abinader, e realizada em Punta Cana, um dos principais destinos turísticos do país.

(Divulgação)

Os líderes de turismo das Américas se comprometeram em reativar o turismo de maneira conjunta, fazendo do setor uma prioridade geral e adotando protocolos internacionais. Essa reativação aposta na inovação e na transformação digital, assim como em seguir avançando no turismo sustentável e reforçar os mecanismos de apoio aos profissionais e empresas afetadas pela pandemia.

Ao dar início à reunião, o secretário geral da OMT, Zurab Pololikashvili, reconheceu a excelente gestão da República Dominicana como destino turístico durante a pandemia e enfatizou que “a reconquista da confiança dos viajantes é o primeiro e importante passo para retomar o turismo, levar esperança a milhões de pessoas nas Américas e impulsionar a recuperação em geral”.

Dando as boas-vindas aos ministros e representantes do turismo das Américas, o presidente da República Dominicana, Luis Abinader, destacou o rol da OMT como catalizador de inovação e sinergias, e convocou os presentes a se fortalecerem como destino compartilhado, como região, por meio da união, determinação, foco e visão em conjunto. Por sua vez, o ministro do turismo da República Dominicana, David Collado, pontuou que o setor gera oportunidades de emprego a mais de 500 mil famílias e contribui com 15% do Produto Interno Bruto do país. Além disso, reforçou o compromisso “com os dominicanos, com os colaboradores do setor e com os milhões de turistas que aguardam ansiosos a oportunidade de conhecer os encantadores destinos da República Dominicana”.

A restauração da confiança nas viagens, a proteção das empresas e postos de trabalho e a garantia de que os benefícios da atividade de reativação do turismo sejam sentidos muito além do próprio setor, foram alguns dos principais temas de debate, no qual marcaram presença, além do ministro do Turismo do Brasil, Gilson Machado, os ministros e vice-ministros de turismo da Colômbia, Cuba, El Salvador, Guatemala, Haiti, Honduras, México, Panamá, Porto Rico, Uruguai e Venezuela. Representantes de outros países participaram de forma virtual, como Argentina, Barbados, Bolívia, Chile, Nicarágua e Peru.

As reuniões foram realizadas sob a coordenação, como país anfitrião, do Ministério de Turismo de República Dominicana e contou com a participação de representantes da Associação Internacional de Transportes Aéreos (IATA), a Autoridade de Aviação Civil Internacional (OACI) e a Associação de Hotéis e Turismo da República Dominicana, entre outros órgãos do setor.

No encerramento da reunião, os participantes firmaram a Declaração de Punta Cana, mediante a qual os líderes da região se comprometem em fazer do turismo um pilar do desenvolvimento sustentável e garantir um plano de ação eficaz e pertinente de recuperação pós-Covid.