Destaque Da Semana

IATA Alerta Governos Sobre Alto Custo De Testes De COVID-19

Iberia Participa Do Projeto Piloto De Identificação Biometrica Do Barajas Em Madrid

- A Iberia participa juntamente com Aena, Inetum e Thales neste ambicioso projeto que tem o apoio do CDTI (Centro de Desenvolvimento Tecnológico Industrial).

- Permite a detecção biométrica de passageiros por meio do uso de equipamentos móveis do tipo tablet.

- Seu objetivo é aumentar a segurança, evitando o contato, e agilizar e facilitar os processos no aeroporto em um grande número de voos e diferentes destinos.

- É uma fórmula inovadora que melhora a experiência de viagem e responde às novas medidas de segurança implementadas como resultado da Covid-19.

A Iberia faz parte de um consórcio participado pela Aena, Inetum e Thales para a realização de um projeto de I&D, com o objetivo de encontrar novas formas de operar no setor do transporte aéreo, tendo em conta as novas medidas de segurança sanitária implementadas na sequência da Covid-19.

(Divulgação)

Este projeto inovador permite a detecção biométrica de passageiros graças ao uso de equipamentos móveis tipo tablet, que irão melhorar sua experiência de viagem no aeroporto, agilizando todo o processo e eliminando qualquer tipo de contato físico, o que aumenta ainda mais a segurança em todos os procedimentos do aeroporto.

A utilização destes equipamentos móveis incorpora também o conceito de mobilidade, de forma que com um número reduzido de equipamentos, um grande número de voos e destinos diferentes podem ser operados. Além disso, o sistema melhorará as capacidades de detecção, até mesmo identificando um passageiro com uma máscara protetora.

Esta iniciativa contou com o apoio do CDTI (Centro de Desenvolvimento Tecnológico Industrial), através do programa de cooperação I&D, contribuindo assim para a melhoria do nível tecnológico e a digitalização das empresas espanholas através do desenvolvimento de propostas baseadas na inovação.

Para este projecto de I&D e em cumprimento das novas medidas de segurança sem contato, a plataforma de reconhecimento facial implementada no Aeroporto Adolfo Suárez Madrid-Barajas, que se encontra em fase de teste piloto, servirá de palco para o desenvolvimento das novas funcionalidades. Isso significa sua integração no processo de inscrição exclusivo por meio de um aplicativo dedicado, segurança e controles de envio.

Com este objetivo, unificou-se a contribuição de empresas líderes em seus setores para alcançar os desenvolvimentos e validação tecnológica necessários. A Iberia, como companhia aérea operacional, a Inetum, como empresa integradora de sistemas; Thales, como fornecedora de tecnologias biométricas e processos de validação de identidade; e Aena, como gerente do aeroporto, responsável pelos sistemas de integração intermediária entre a companhia aérea e o motor biométrico.