Destaque Da Semana

United Airlines Anuncia Resultados Financeiros E Foca Na Recuperação Pós-Pandemia

A companhia aérea continua a melhorar a queima de caixa principal em face dos contínuos ventos contrários do COVID-19; melhora o foco para se preparar para a recuperação

Chicago, EUA - A United Airlines (UAL) anunciou hoje os resultados financeiros do quarto trimestre e do ano inteiro de 2020. A companhia aérea continua seus esforços para liderar o setor enquanto gerencia a crise mais perturbadora da história da aviação.

Arquivo/BTS.news

Desde o início da crise COVID-19, a United levantou mais de US$ 26 bilhões em liquidez e fez um progresso importante na redução do consumo de caixa para garantir a sobrevivência da companhia aérea. Nos últimos três trimestres, a empresa identificou US$ 1,4 bilhão em economia anual de custos e tem um caminho para atingir pelo menos US$ 2,0 bilhões em reduções estruturais no futuro. A United terminou 2020 com US$ 19,7 bilhões em liquidez disponível, incluindo uma capacidade de revólver não sacada e fundos disponíveis sob o programa de empréstimo CARES Act do Tesouro dos EUA.

Tendo estabilizado sua base financeira, a United espera que 2021 seja um ano de transição focado na preparação para uma recuperação. A United retomou a manutenção pesada e as revisões de motor, investimentos essenciais para a recuperação quando a demanda voltar. A combinação de redução de custos estruturais e investimentos oportunos ajudará a estabelecer a United para superar sua margem ajustada de lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (EBITDA) em 2023. A companhia aérea expressou grande confiança de que alcançaria essa meta até 2023 - e disse que seu planejamento de recuperação em andamento ajudaria a garantir que a United estivesse equipada para atingir esse nível ainda mais cedo, se a demanda retornar mais rapidamente.

"Gerenciar agressivamente os desafios de 2020 dependeu de nossa inovação e tomada de decisão rápida. Mas, a verdade é que o COVID-19 mudou a United Airlines para sempre", disse o CEO da United Airlines, Scott Kirby. "A paixão, o trabalho em equipe e a perseverança que a equipe United mostrou em 2020 é exatamente o que nos ajudará a construir uma nova United Airlines melhor, mais forte e mais lucrativa do que nunca. Eu não poderia estar mais orgulhoso - e mais grato - a essa equipe, que vai nos levar até lá."


Reinventando A Rede De Rotas

- Em 2020, iniciou 43 rotas domésticas e 10 rotas internacionais, com mais 15 rotas internacionais planejadas para lançamento em 2021.

- No 4T, atendeu à demanda de viagens de Ação de Graças adicionando mais de 1.400 voos domésticos à programação de novembro.

- No 4T, expandiu o serviço para a Índia com 4 voos diários, incluindo a adição de O'Hare a Delhi; a United continua sendo a única companhia aérea dos EUA a atender a Índia.

- Emcomparação com setembro, a United tinha serviço sem escalas em mais 23 rotas domésticas e mais 8 rotas internacionais em outubro, 37 mais rotas domésticas e 32 mais rotas internacionais em novembro e 95 mais rotas domésticas e 53 mais rotas internacionais em dezembro.

- Anunciados planos para retornar ao serviço para Nova York/JFK após uma ausência de cinco anos, com duas viagens diárias de ida e volta para San Francisco e Los Angeles começando em fevereiro de 2021.