Destaque Da Semana

LATAM Lança Estratégias De Sustentabilidade Para Até 2050




Norwegian Agradece O Apoio Do Governo Sobre Financiamento De Novo Capital

Oslo, Noruega - A Norwegian tem o prazer de anunciar que o governo da Noruega decidiu apoiar e contribuir para o financiamento de novo capital da companhia aérea, dependendo de certas condições. Essa medida aumenta significativamente as chances da Norwegian de superar a crise causada pela pandemia e de se posicionar como um ator-chave na aviação norueguesa e europeia.

Boeing 737 da Norwegian. (Divulgação)

“Em nome de todos na Norwegian, gostaria de agradecer sinceramente ao governo por seu apoio. A Norwegian tem enfrentado uma situação muito desafiadora e exigente devido à pandemia, e o apoio do governo aumenta significativamente nossas chances de levantar novo capital e nos fazer passar pelo processo de reconstrução em que estamos atualmente. Ainda temos muito trabalho pela frente, mas a participação do governo ressalta que estamos caminhando na direção certa”, disse o CEO da Norwegian, Jacob Schram.

A Norwegian entrou em um processo de exame de irlandês e uma negociação de reconstrução suplementar na Noruega no final do ano passado. Em 14 de janeiro de 2021, a companhia aérea apresentou um novo plano de negócios baseado em uma estrutura de negócios simplificada com foco em uma malha aérea europeia e descontinuidade de suas operações de longo curso, além de reduzir significativamente seu endividamento. O plano compreende uma frota de cerca de 50 aeronaves em operação este ano, e deve aumentar gradualmente para aproximadamente 70 aeronaves em 2022, dependendo da demanda e potenciais restrições de viagem. A dívida será reduzida para cerca de NOK 20 bilhões, e a empresa levantará de quatro a cinco bilhões de NOK em novo capital.

“Com um novo plano de negócios e a participação do governo, estamos confiantes de que podemos atrair investidores e passar pelo processo de avaliação e reconstrução. Recebemos amplo apoio de partidos políticos, clientes, colegas, acionistas e parceiros de negócios, pelos quais somos extremamente gratos, especialmente em tempos difíceis. Além disso, o apoio do governo contribuirá para ajudar a garantir empregos e manter a concorrência saudável no setor de aviação”, acrescentou Schram.