Gulf Air Assina MoU Com O Aeroporto Internacional Ras Al Khaimah

- O acordo visa explorar serviços potenciais entre o Reino do Bahrein e o Emirado de Ras Al Khaimah.

- Capitão Waleed AlAlawi, “Estamos sempre empenhados em melhorar a conectividade entre o Reino do Bahrein e os Emirados Árabes Unidos. Como transportadora Boutique, esperamos adicionar Ras Al Khaimah à nossa rede de destinos.”

- Sanjay Khanna, “A indústria da aviação está de olho na recuperação após o ano difícil que tivemos em 2020, com os passageiros cada vez mais confiantes para subir aos céus novamente.”

Manama, Reino do Bahrein - A Gulf Air, a transportadora nacional do Reino do Bahrein, assinou um Memorando de Entendimento (MoU) com o Aeroporto Internacional Ras Al Khaimah (Aeroporto Internacional RAK), com o objetivo de construir conectividade entre o Emirado de Ras Al Khaimah e do Reino do Bahrein.

Sr. Sanjay Khanna, CEO do Aeroporto Internacional Ras Al Khaimah e Capitão Waleed AlAlawi, CEO em exercício da Gulf Air assinam MoU. (Divulgação)

Anunciando uma nova fase de operações para o Aeroporto Internacional RAK, que está rapidamente se estabelecendo como um importante centro de transporte e logística para os Emirados Árabes Unidos, o MoU foi assinado em uma cerimônia virtual que reuniu executivos de alto escalão de ambas as organizações.

O Capitão Waleed AlAlawi, CEO em exercício da Gulf Air e o Sr. Sanjay Khanna, CEO do Aeroporto Internacional RAK, participaram do evento junto com membros das equipes da Gulf Air e do Aeroporto Internacional RAK.

“Estamos sempre dispostos a explorar maneiras de melhorar a conectividade entre o Reino do Bahrein e os Emirados Árabes Unidos. Como uma transportadora Boutique, esperamos adicionar Ras Al Khaimah à nossa rede de destinos”, disse o CEO em exercício da Gulf Air, Capitão Waleed AlAlawi.

“Estamos extremamente impressionados com as instalações que o Aeroporto Internacional RAK oferece, que atenderão aos altos padrões que nossos passageiros esperam da Gulf Air”, acrescentou.

Por sua vez, o Sr. Sanjay Khanna, CEO do Aeroporto Internacional RAK, disse: “A indústria da aviação está de olho na recuperação após o ano difícil que tivemos em 2020. As vias aéreas estão se abrindo gradualmente com facilidade e os passageiros cada vez mais confiantes para voltar aos céus. Com isso em mente, temos o prazer de assinar este Memorando de Entendimento com a Gulf Air para preparar o terreno para os serviços de voo entre Bahrain e Ras Al Khaimah - junto com os Emirados do Norte - e melhorar a conectividade do Aeroporto Internacional Ras Al Khaimah para destinos em todo o mundo.”

“A conectividade do estado do Golfo é um princípio fundamental de nossa estratégia de expansão e, com sua longa história, histórico louvável e vasta rede, a Gulf Air é um parceiro ideal para esta missão. Com o objetivo de construir conectividade entre o Emirado de Ras Al Khaimah e o Reino do Bahrein. Esta mudança permitirá que residentes, expatriados e turistas nos Emirados do Norte dos Emirados Árabes Unidos se conectem até as Filipinas no leste e Londres no oeste”, acrescentou Khanna.

Em novembro do ano passado, o Aeroporto Internacional RAK iniciou os serviços de passageiros com a transportadora indiana SpiceJet voando para fora de Delhi, com Mumbai, Lucknow e Cochin adicionadas no início deste ano, junto com o aumento das frequências da capital indiana.

A Gulf Air iniciou suas operações em 1950, tornando-se uma das primeiras companhias aéreas comerciais estabelecidas no Oriente Médio. A companhia aérea opera voos regulares de seu hub no Aeroporto Internacional do Bahrein para cidades na Europa, Oriente Médio, África, subcontinente indiano e Extremo Oriente.

A Gulf Air atualmente atende a todos os seus destinos com uma combinação de frotas de aeronaves Boeing e Airbus de fuselagem larga e estreita. Conhecida por sua tradicional hospitalidade árabe, a Gulf Air está comprometida em ser líder do setor e desenvolver produtos e serviços que reflitam as necessidades e aspirações em evolução de seus passageiros.