Destaque Da Semana

LATAM Lança Estratégias De Sustentabilidade Para Até 2050




Singapore Airlines Elabora Novo Conceito De Refeições Na Classe Econômica

Produtos de serviço novos e mais ecológicos reduzem os plásticos descartáveis ​​na hora das refeições

Los Angeles, CA, EUA - A Singapore Airlines (SIA) e SilkAir oferecerão uma gama mais ampla de pratos principais em vôos com menos de 3,5 horas a partir de 1º de dezembro de 2020, proporcionando aos passageiros uma maior variedade de favoritos locais de Singapura e internacionais nessas rotas como parte de sua novo conceito de refeição na Classe Econômica.

O novo conceito de refeição foi desenvolvido em conjunto pela SIA e SATS, o parceiro de catering da companhia aérea com sede, em Cingapura. (Divulgação)

Mais de 40 novos pratos estarão disponíveis em rodízio em vôos diferentes, incluindo favoritos de Cingapura como congee, laksa e mee siam rico em molho que não estavam disponíveis anteriormente na classe econômica.

Os passageiros agora podem desfrutar dessas refeições depois que a SIA substituiu seus utensílios de serviço de caçarola de plástico por uma nova solução de embalagem, consistindo em uma caixa à prova de vazamentos e um copo feito de papel certificado pelo Forest Stewardship Council, uma caixa de sobremesa e um pacote de talheres feito de bambu com um papel de embrulho. A caixa exclusiva pode conter a mesma quantidade de comida que a caçarola, mas é mais profunda e segura, permitindo reter molhos e pratos como sopa sem qualquer infiltração. Também é adequado para forno e resistente ao superaquecimento, garantindo que a qualidade dos alimentos seja preservada mesmo após o reaquecimento.

O novo conceito de refeição foi desenvolvido em conjunto pela SIA e SATS, o parceiro de catering da companhia aérea com sede, em Cingapura. Depois de um estudo sobre os possíveis pontos problemáticos e áreas de melhoria na experiência de voo de curta distância, e após meses de pesquisa e desenvolvimento, as empresas projetaram uma caixa que é versátil e ecológica, mas também melhora o sabor, a variedade e qualidade da refeição.

Isso também reduzirá a quantidade de plásticos descartáveis, incluindo xícaras e saquinhos para talheres, na bandeja de refeição, em 80% do peso. As sobras da bandeja, incluindo o novo serviço, serão trazidas de volta para Cingapura, enviadas para um eco-digestor no SATS e convertidas em pellets que podem ser usados ​​como combustível derivado de refugo, uma fonte de energia que pode substituir o combustível fóssil, e carvão.

O processamento local de resíduos reduz aproximadamente 60% dos resíduos de alimentação e reduz ainda mais as emissões do transporte para o incinerador. Além disso, o uso de papéis mais leves ajuda a reduzir o consumo de combustível nos vôos.

O Sr. Yeoh Phee Teik, Vice-Presidente Sênior de Experiência do Cliente, Singapore Airlines, disse: “Estamos muito satisfeitos em poder oferecer uma maior variedade e qualidade de refeições em nossos vôos de curta distância, incluindo seleções dos favoritos locais populares de Cingapura que esperamos que ambos passageiros domésticos e internacionais acharão familiar, e reconfortante. Isso é parte de nossos esforços contínuos para aprimorar a experiência do cliente, mantendo a sustentabilidade na vanguarda de nossas operações.”

Sr. Kerry Mok, CEO Food Solutions, SATS, disse: “O desenvolvimento de soluções de embalagem ecologicamente corretas que podem melhorar a qualidade dos alimentos deve levar em consideração vários desafios exclusivos para a preparação de refeições de aviação. Temos o prazer de emprestar nossa experiência culinária e conhecimento de alimentos, e tecnologia de embalagem, para colaborar com a SIA para transformar a experiência de viagem.”

Os visitantes das excursões Inside Singapore Airlines da SIA, em novembro de 2020, serão os primeiros a ver as novas refeições, que serão servidas no evento.

Fotos das refeições podem ser encontradas em https://bit.ly/330XsJr.

Detalhes dos horários de vôos da SIA de novembro de 2020 a janeiro de 2021 estão disponíveis em https://bit.ly/3pFLrmd.