Destaque Da Semana

IAG Relata Prejuízo Operacional De € 1,3 Bilhão No 4º Trimestre

Ryanair Apela Aos Governos Da UE Para Adotarem Medidas "Traffic Light"

A Ryanair, a maior companhia aérea da Europa, hoje, 09 de outubro, apelou a todos os governos da UE a adoptarem a UE “Traffic Light”, sistema sem demora, após a reunião do Conselho da UE, em Bruxelas, em 13 de outubro próximo. Sob o novo sistema de “Semáforo”, o Centro Europeu de Controle de Doenças (ECDC) confirmou que é seguro viajar para 15 países da UE sem quaisquer restrições de viagem.

Arquivo/BTS.news

As indústrias europeias da aviação, e do turismo, não podem sofrer qualquer atraso na adoção deste novo sistema, uma vez que milhões de empregos estão em risco, à medida que a Europa entra numa época de inverno muito difícil. Este quadro comum da UE ajudará a restaurar a confiança nas viagens aéreas, e a acabar com as diferentes políticas nacionais contraditórias em toda a Europa que prejudicaram a procura dos clientes.

O novo sistema de 'semáforos' da UE permite viagens seguras de/para 15 países listados como 'verde' e 'âmbar' sem restrições. Para 15 países da lista vermelha, pode haver restrições (por exemplo, teste antes da partida/chegada). O novo sistema de “Semáforo” também recomenda que os estados membros apliquem uma abordagem regional sempre que possível para garantir que as regiões ou ilhas com baixos níveis de Covid não sejam penalizadas.

Os especialistas em saúde - incluindo a OMS e o ECDC - confirmam que as quarentenas não funcionam, e que as viagens aéreas representam um risco mínimo de propagação do vírus. Na verdade, a Ryanair transportou mais de 16,5 milhões de passageiros neste verão, com nenhuma transmissão a bordo. A adoção do sistema de 'Semáforo' da UE permitirá que as famílias se reúnam, e os negócios prosperem, enquanto o mundo se recupera da crise Covid-19.

O CEO da Ryanair, Eddie Wilson, disse:

“Exortamos todos os governos da UE a adotarem o sistema de“ Semáforos ”da UE sem demora. As indústrias da aviação, e do turismo, na Europa, não podem permitir mais perdas de empregos e, até que esteja disponível uma vacina, temos de aprender a conviver com o vírus.

A implementação desta abordagem regional coordenada ajudará a restaurar a confiança do consumidor antes de um inverno difícil, e também permitirá que todas as companhias aéreas planejem o verão de 2021, com milhões de empregos dependentes da recuperação de nossos setores de aviação, e turismo.

Conforme confirmado pela OMS, a aviação não é responsável por um aumento nas taxas de Covid da UE, e quarentenas simplesmente não funcionam. Os governos da UE precisam agir rapidamente e implementar o sistema de “Semáforo” da UE imediatamente após a reunião do Conselho da próxima semana, e dar às economias do turismo da Europa o alívio de que tanto precisa.”

Comentários


Banner 3