MSC Cruzeiros Aprimora Higienização E Limpeza Do Ar Nas Embarcações

MSC Seashore será o primeiro navio de cruzeiro a apresentar uma nova tecnologia avançada de higienização do ar para reduzir o risco de vírus. Inovação foi desenvolvida pelo construtor de navios Fincantieri, em cooperação com o pioneiro Centro Internacional de Engenharia Genética e Biotecnologia

A MSC Cruzeiros será a primeira companhia de cruzeiros do mundo a instalar um novo e avançado sistema de higienização de tecnologia inovadora chamado 'Safe Air' para melhorar ainda mais a qualidade e a limpeza do ar a bordo para seus hóspedes, e tripulantes. O 'Safe Air' será instalado no MSC Seashore, um dos navios maiores e mais avançados tecnologicamente já construídos na Itália e que está atualmente em construção no estaleiro Fincantieri, em Monfalcone, com entrega prevista para julho de 2021. Ele será o primeiro de dois navios da classe Seaside Evo.

MSC Seashore no estaleiro Fincantieri, em Monfalcone, Itália. (© Google Imagens)

O anúncio é mais um passo à frente no compromisso contínuo da MSC Cruzeiros com a saúde e segurança, demonstrado mais recentemente em agosto, quando ela se tornou a primeira grande companhia de cruzeiros do mundo a retornar ao mar com um novo e abrangente protocolo de saúde e segurança aprovado por diversas autoridades nacionais e regionais na Europa, após a paralisação temporária da indústria globalmente em março, como resultado da pandemia em terra.

O sistema de higienização de última geração 'Safe Air' é baseado na tecnologia de lâmpadas UV-C, que são raios ultravioleta do tipo C aplicados em combinação com o sistema de ar condicionado do navio, pelo qual o fluxo de ar é irradiado na fonte com uma luz de onda curta que atinge partículas orgânicas e previne a circulação de contaminantes atmosféricos como vírus, bactérias e mofo.

O sistema de higienização ‘Safe Air’ foi desenvolvido pelos designers e técnicos do Fincantieri e pelo laboratório de virologia do Centro Internacional de Engenharia Genética e Biotecnologia, um instituto de pesquisa de liderança global com sede em Trieste, na Itália. O Instituto oferece suporte científico às empresas para o desenvolvimento de soluções tecnológicas inovadoras para o controle de infecções por vírus, o que é particularmente relevante hoje em dia, dada a atual pandemia global.

A resposta eficaz da MSC Cruzeiros aos desafios de saúde enfrentados pelo setor de viagens e turismo em todo o mundo tem sido estabelecer os mais altos padrões de segurança com um protocolo de saúde e segurança que está em operação desde 16 de agosto, quando o MSC Grandiosa retomou os cruzeiros de sete noites pelo Mediterrâneo Ocidental. O navio já completou nove cruzeiros, com um total de mais de 16.000 hóspedes, e foi seguido esta semana pelo MSC Magnifica, com cruzeiros mais longos e aprimorados de 10 noites no Mediterrâneo Ocidental e Oriental.

O novo protocolo de saúde e segurança, de fato, foi além das orientações das autoridades competentes nos países onde os navios estão navegando para estabelecer um novo padrão para a indústria de cruzeiros, bem como outros aspectos de viagens, turismo, lazer e hospitalidade, em particular no que diz respeito à testagem universal.

Todos os hóspedes passam por uma triagem de saúde universal antes de embarcar em um navio, que compreende três etapas abrangentes - verificação de temperatura, revisão de um questionário pessoal de saúde e teste swab de antígeno para COVID-19. A tripulação é testada até três vezes antes de ter permissão para iniciar seu trabalho.

Outros aspectos do protocolo de saúde e segurança cobrem a elevada higienização e limpeza, excursões em terra protegidas em "bolhas sociais", máscaras faciais e manutenção do distanciamento social, instalações médicas aprimoradas, monitoramento diário da saúde, e um plano de contingência robusto.

O protocolo foi elaborado pelos especialistas internos da MSC Cruzeiros em serviços médicos, saúde pública e sanitização, serviços de hotelaria, aquecimento, ventilação e ar condicionado, outros sistemas de engenharia de bordo, tecnologia da informação e logística.

O Grupo Blue-Ribbon de Especialistas em COVID-19 também foi estabelecido e compreende em um painel de profissionais altamente qualificados e respeitados internacionalmente, cuja função é informar e revisar o protocolo da MSC Cruzeiros para garantir que as ações da companhia de cruzeiros sejam apropriadas, eficazes e baseadas nas melhores práticas da ciência e de saúde disponíveis.

O MSC Seashore - como todos os novos navios da empresa - também apresentará algumas das mais recentes tecnologias e soluções disponíveis para reduzir sua pegada ambiental. Isso inclui, um sistema de redução catalítica seletiva (SCR) de ponta e um sistema avançado de tratamento de águas residuais (AWT) de última geração.

O SCR reduz as emissões de óxido de nitrogênio em 90% por meio de tecnologia avançada de controle de emissões ativas e os sistemas AWT conduzem as águas residuais por um processo abrangente de purificação e filtragem muito fina que as transforma em água próxima da qualidade da água de torneira.

O MSC Seashore também será equipado com recursos de energia ‘shore-to-ship’ que permitem que o navio se conecte às redes de energia locais enquanto está atracado, reduzindo ainda mais as emissões atmosféricas.

Para obter mais informações sobre as novas medidas de saúde e segurança da MSC Cruzeiros, visite aqui.

Comentários