Destaque Da Semana

Iberia Reduz Estrutura Para Enfrentar Crise De Covid-19

MSC Cruzeiros Retoma Operações No Mediterrâneo Com 5 Destinos Diferentes

 O MSC Grandiosa receberá de volta os hóspedes no Mediterrâneo a partir de 16 de agosto e o MSC Magnifica a partir de 29 de agosto. O retorno às operações é apoiado pela introdução de um abrangente protocolo de saúde e segurança aprovado pelas autoridades nacionais competentes ao longo dos itinerários dos dois navios. A MSC Cruzeiros irá além das diretrizes, com medidas aprimoradas, incluindo testes para todos os hóspedes e tripulantes, bem como visitas seguras em terra em cada porto

A MSC Cruzeiros anunciou nesta semana que seu mais novo navio, o MSC Grandiosa e o MSC Magnifica retomarão as operações no Mediterrâneo a partir de 16 e 29 de agosto de 2020, respectivamente, oferecendo aos hóspedes férias com uma experiência completa, com a oportunidade de descobrir cinco destinos diferentes, durante um cruzeiro de 7 noites. Os dois navios serão os primeiros a implementar um novo protocolo abrangente de saúde e segurança, que foi aprovado pelas autoridades nacionais relevantes dos países em que os navios farão escalas, ao longo de seus itinerários no Mediterrâneo, neste verão do hemisfério norte.

(© Google Imagens)


Pierfrancesco Vago, Presidente Executivo da MSC Cruzeiros, comentou: “Durante a paralisação de nossas operações, focamos no desenvolvimento de um protocolo operacional abrangente que se baseia nas medidas de saúde e segurança já rigorosas que há muito tempo estão em vigor a bordo de nossos navios. Trabalhamos em estreita colaboração com as autoridades nacionais de saúde da União Europeia e outras autoridades dos países onde o MSC Grandiosa e o MSC Magnifica farão escalas ao longo de seus itinerários no Mediterrâneo, para desenvolver um conjunto abrangente de procedimentos projetados para proteger a saúde e a segurança de todos os passageiros a bordo de nossos navios e em terra, e garantir que as comunidades locais se sintam à vontade para receber nossos hóspedes.”

Pierfrancesco Vago continuou: “Os novos procedimentos incluem testes de COVID-19 universais para todos os hóspedes e tripulantes antes do embarque, visitas em terra protegidas em cada destino apenas com uma excursão da MSC Cruzeiros, como nível adicional de proteção para nossos hóspedes, e a introdução de uma Plano de Proteção à COVID, que oferecerá mais tranquilidade para os nossos hóspedes. Com todas essas medidas em vigor, pretendemos oferecer aos nossos hóspedes as férias mais seguras possíveis.”

O MSC Grandiosa, o navio mais novo da armadora, oferecerá cruzeiros de sete noites no Mediterrâneo Ocidental, com escalas nos portos italianos de Gênova, Civitavecchia/Roma, Nápoles, Palermo e Valeta, em Malta. O MSC Magnifica oferecerá cruzeiros de sete noites no Mediterrâneo Oriental, partindo dos portos italianos de Bari e Trieste, com escala nos portos gregos de Corfu, Katakolon e Pireu.

Gianni Onorato, CEO da MSC Cruzeiros, comentou: “Estamos muito satisfeitos por poder começar a receber os hóspedes de volta para férias em cruzeiros, com uma experiência completa neste verão do hemisfério norte, a bordo de dois de nossos navios mais populares, incluindo o mais novo navio, o MSC Grandiosa, e no Mediterrâneo, a região onde estão as raízes da nossa Empresa e onde somos líderes de mercado há muito tempo.”

O novo protocolo operacional da MSC Cruzeiros foi projetado para proteger a saúde e a segurança dos hóspedes, tripulantes e das comunidades locais que os navios da armadora visitam. Por esse motivo, atende e vai além das diretrizes fornecidas pelos principais órgãos reguladores e técnicos internacionais e regionais, bem como das regulamentações estabelecidas pelos governos dos países em que os navios da MSC Cruzeiros operam. Além disso, a RINA, empresa independente de certificação marítima, verificou que o protocolo atende às orientações da Agência Europeia de Segurança Marítima (EMSA), que incorpora padrões de saúde adicionais, incluindo os da EU Healthy Gateways Joint Action. A MSC Cruzeiros trabalhou para abranger todos os aspectos da jornada do hóspede, desde o momento da reserva até o embarque, a vida a bordo e até o retorno de volta para casa, preservando a singularidade da experiência do hóspede.

Para esta fase inicial da retomada das operações, os dois navios da MSC Cruzeiros, que operarão no Mediterrâneo durante a atual temporada de verão do hemisfério norte, receberão inicialmente apenas hóspedes residentes nos países do Espaço Schengen. Além disso, seus itinerários foram projetados de acordo com a acessibilidade dos portos, reduzindo, sempre que possível, a necessidade de os hóspedes usarem transportes públicos ou vôos e foram planejados em conjunto com as autoridades.

A MSC Cruzeiros cancelou, também, nesta semana, todos os outros cruzeiros no Mediterrâneo de 16 de agosto até, e incluindo 31 de outubro. Os hóspedes residentes em países do Espaço Schengen, não sujeitos a restrições impostas pelas autoridades italianas, com reservas em qualquer itinerário da MSC Cruzeiros até 31 de outubro, podem transferir sua reserva para o MSC Grandiosa ou para o MSC Magnifica, recebendo até três excursões em terra inclusas, dependendo da categoria que reservaram; como alternativa, eles receberão um Crédito para Cruzeiro Futuro (FCC), que eles poderão usar em qualquer navio, em qualquer itinerário da frota da MSC Cruzeiros, até dezembro de 2021. Além disso, outros hóspedes que residam em países do Espaço Schengen, não sujeitos a restrições impostas pelas autoridades italianas, que já possuem uma Carta de Crédito para Cruzeiro Futuro de cruzeiros cancelados anteriormente, também podem usá-la nesses dois navios, com até três excursões em terra inclusas.

Os hóspedes não residentes dos países do Espaço Schengen serão automaticamente elegíveis a um Crédito para Cruzeiro Futuro (FCC) que pode ser usado para transferir a reserva, sem nenhum custo, para qualquer navio, em qualquer itinerário da frota da MSC Cruzeiros, com saída até dezembro de 2021.

A MSC Cruzeiros também anunciou o cancelamento de todos os cruzeiros partindo dos EUA até, e incluindo 31 de outubro, o que está de acordo com o anúncio de que os membros da CLIA estenderão voluntariamente a paralisação das operações de cruzeiros até essa data. A CLIA afirmou que "essa ação proativa demonstra ainda mais o compromisso da indústria de cruzeiros com a saúde pública e a disposição em suspender voluntariamente as operações com interesse na saúde pública e na segurança, como ocorreu duas vezes antes". A MSC Cruzeiros retomará as operações nos EUA apenas na hora certa, após a aprovação do CDC - Centers for Disease Control and Prevention, e de outras autoridades competentes da região, em cumprimento de seus requisitos e diretrizes.

Por fim, a MSC Cruzeiros também cancelou os cruzeiros no Extremo Oriente de 10 de setembro até e incluindo 26 de outubro.

Além dos itinerários de verão do hemisfério norte anunciados nesta semana, a MSC Cruzeiros está acompanhando a evolução da pandemia e a introdução gradual de outros navios entrando em serviço é possível durante este mesmo período do verão do hemisfério norte.

O anúncio desta semana segue a confirmação de todos os detalhes dos programas da MSC Cruzeiros, que vão do final de outubro deste ano até novembro de 2021, cobrindo a temporada 2020/2021 e a temporada de verão do hemisfério norte de 2021. Os navios oferecerão aos hóspedes itinerários em todas as regiões tradicionalmente operadas pela MSC Cruzeiros na América do Sul, Caribe, Mediterrâneo, Golfo, África do Sul e Ásia.

Com relação aos itinerários da MSC Cruzeiros além da atual temporada de verão do hemisfério norte, Gianni Onorato concluiu: “Vamos monitorar de perto as atualizações e novas diretrizes em nível global, europeu e nacional, e revisaremos e atualizaremos continuamente nosso protocolo de saúde e segurança, não apenas para garantir que suas medidas reflitam a tecnologia e os conhecimentos da medicina mais atualizados, à medida que se tornam disponíveis, mas também sejam refletidas nele as diferentes fases da evolução e disseminação do vírus e conforme as restrições sociais sejam mudadas com o tempo. Com esse objetivo, com o tempo e em consonância com o desenvolvimento da situação de saúde em terra, esperamos poder relaxar certas medidas, continuando a garantir que a saúde e a segurança de todos a bordo de nossos navios permaneçam nossa maior prioridade. Ao mesmo tempo, sempre garantiremos que nossos hóspedes possam desfrutar e relaxar durante as férias a bordo de um dos navios da MSC Cruzeiros da maneira que sempre fizeram - agora incluindo neste verão do hemisfério norte.”

Comentários