Destaque Da Semana

Taxa De Engajamento Dos Funcionários Da airBaltic Sobe 10%

A companhia aérea letã airBaltic vem realizando pesquisas trimestrais com seus funcionários. O estudo mais recente realizado, em junho, mostrou que a taxa de engajamento dos funcionários melhorou 10%, em relação ao último trimestre de 2019, atingindo sua marca mais alta nos últimos sete anos.


Alīna Roščina, vice-presidente sênior de recursos humanos da airBaltic: “Os últimos meses foram os mais difíceis que nossa empresa, e todo o setor de aviação já viram. Exigiu algumas decisões difíceis que tiveram que ser tomadas para que a empresa pudesse continuar seu trabalho. Por fim, nossa equipe dedicada trabalhou com sucesso durante a crise e estamos olhando para o futuro com o objetivo de retornar ao nosso crescimento.”

“A escuta contínua de nossos funcionários é o principal fator para melhorias no local de trabalho. A pesquisa mais recente mostra que os funcionários valorizaram as medidas adotadas e a transparência oferecida pela administração da empresa, bem como a comunicação interna intensiva, parte integrante da cultura da empresa, e que ajudou os funcionários, a maioria trabalhando em casa, manter contato com os desenvolvimentos mais recentes. Os eventos recentes levaram muitos funcionários a reavaliar suas metas pessoais, e profissionais ”, acrescentou Alīna Roščina.

A taxa de engajamento dos funcionários descreve a proporção de funcionários que se sentem apaixonados por seus empregos, e estão comprometidos com a organização. Para realizar a pesquisa trimestral, a airBaltic usa os serviços CakeHR. Ele permite que a empresa receba feedback sobre suas decisões, bem como insumos para várias atividades que precisam ser realizadas.

Atualmente, a companhia aérea emprega cerca de 1.150 profissionais motivados. A equipe atual permite que a airBaltic execute seu plano de negócios Destination 2025 CLEAN, e reinicie após uma crise com uma frota reduzida de 22 aeronaves. Quando o volume de tráfego aumentar, a companhia aérea planeja gradualmente recontratar ex-funcionários com base em suas funções.

Atualmente, a airBaltic realiza vôos diretos de Riga para vários centros de negócios europeus e para destinos populares de lazer como Dubrovnik, Rijeka e Split na Croácia, Barcelona na Espanha, Nice na França, Larnaca no Chipre e Roma, Catânia e Milão na Itália.

Além disso, durante as próximas semanas a airBaltic lançará vôos diretos de Riga para Billund (Dinamarca), Reykjavik (Islândia), Madri (Espanha), Zurique (Suíça), Turku (Finlândia), Varsóvia (Polônia), Praga (República Tcheca), Estugarda (Alemanha), Budapeste (Hungria). A airBaltic também oferece vários serviços diretos de Tallinn e Vilnius. Até o final de agosto de 2020, a airBaltic planeja conectar o Báltico, em 69 rotas.

Para ler mais sobre as novas medidas de saúde da airBaltic, visite o site da airBaltic: https://www.airbaltic.com/en/health-measures.

Comentários