Destaque Da Semana

IAG Relata Prejuízo Operacional De € 1,3 Bilhão No 4º Trimestre

Bahamas Prepara Fase 2 Da Reabertura Das Viagens Internacionais

Visitantes devem testar negativo para a COVID-19 e preencher um Visto Eletrônico de Granted Entry (Entrada Concedida)

O Ministério de Turismo e Aviação das Bahamas está se preparando para a Fase 2 do Plano de Preparação e Recuperação do Turismo (Tourism Readiness and Recovery Plan), que começará na quarta-feira, 1º de julho de 2020 e permitirá a retomada das viagens internacionais às Bahamas, com exceção de visitantes da China, Irã, Itália e França.

Reabertura das Ilhas das Bahamas para viagens internacionais será em 1º de julho de 2020. (Divulgação)

As políticas e procedimentos para todos os viajantes que visitam as Bahamas a partir de 1º de julho são as seguintes. Os planos continuam a evoluir em resposta às tendências do COVID-19; portanto, orientações adicionais serão comunicadas à medida que os detalhes estiverem disponíveis.

  • Devido ao recente aumento de casos de COVID-19 nos Estados Unidos, como medida de precaução para a saúde e segurança de viajantes e residentes, todos que chegam devem apresentar um teste negativo para a COVID-19 RT-PCR (Swab). Os resultados não podem ter mais de dez (10) dias;

Algumas pessoas serão isentas dos testes, como crianças menores de dois anos, pilotos particulares que não desembarcarem e cidadãos das Bahamas, residentes e proprietários que retornam de países de língua inglesa pertencentes à CARICOM (Comunidade do Caribe).
  • Todos devem preencher um visto eletrônico de saúde;
  • Nenhuma quarentena será necessária na chegada; no entanto, aqueles que apresentarem sintomas COVID-19 podem ser transferidos para uma área afastada de outras pessoas para testes e avaliações adicionais;
  • Todos os viajantes entre ilhas devem preencher um formulário eletrônico de Viagem Doméstica em travel.gov.bs antes da partida. Uma resposta automática será fornecida após a conclusão. É necessário ter a confirmação em mãos na chegada ao destino. Esta é uma etapa crucial para fins de rastreamento de contatos;
  • Nos aeroportos e portos marítimos, profissionais de saúde executarão controles de temperatura em todos que chegam. O uso de máscara facial é obrigatório em qualquer situação em que as diretrizes de distância física precisam ser cumpridas, como ao entrar e passar por terminais aéreos e marítimos, ao navegar pelos controles de segurança e alfandegários e ao solicitar bagagem.
Como parte da Fase 2, hotéis e casas de férias, incluindo Airbnb e HomeAway, estarão abertos aos hóspedes. As companhias aéreas nacionais e internacionais podem retomar o serviço e muitas estão começando a anunciar planos para seu retorno às Bahamas:
  • Delta Airlines retomará o serviço de Atlanta para Nassau duas vezes por dia em 2 de julho;
  • United Airlines anunciou que o serviço diário de Houston para Nassau será reiniciado em 6 de julho e o serviço de Denver para Nassau, que ocorrerá apenas aos sábados, em 11 de julho;
  • American Airlines terá vôos para Nassau e The Exumas em 7 de julho;
  • Air Canada está programada para retomar os vôos de Toronto para Nassau em 3 de julho.
Estima-se que outros transportes aéreos serão anunciados nas próximas semanas. É necessário consultar diretamente as companhias aéreas para obter detalhes sobre a retomada dos protocolos de serviço, e viagens.

Esta reentrada turística em 1º de julho de 2020 é baseada e apoiada nas regras e regulamentos governamentais existentes, que já permitem a retomada de viagens de velejadores internacionais, iates e pessoas que viajam em aviões particulares, bem como viagens nacionais entre ilhas para cidadãos, e residentes das Ilhas das Bahamas.

Assim que aterrissarem nas Bahamas, os turistas devem seguir a Campanha de Viajantes Saudáveis ​​das Bahamas, que incentiva as práticas de medidas de distanciamento social, lavando e higienizando frequentemente as mãos e utilizando equipamentos de segurança como máscaras faciais.

Criou-se a Agência de Certificação, que representa a parceria entre o Ministério do Turismo, o Ministério da Saúde e outras agências reguladoras, para padronizar todas as entidades turísticas das ilhas dentro do programa de certificação Clean & Pristine (Limpo e Original, em português) que garante o cumprimento dos protocolos de saúde e segurança. A sinalização estará visivelmente exibida em todos os locais para ajudar a orientar funcionários, e visitantes. Antes de reservar, é indicado que os turistas consultem os sites das respectivas empresas para informações sobre funcionamento, medidas de segurança e protocolos aplicados. Mais detalhes estão disponíveis no site oficial das Bahamas.

O Governo das Ilhas continuamente monitora e orienta a situação sanitária no país e no mundo. As datas de reabertura estão sujeitas a alterações com base nas tendências da COVID-19 se houver uma deterioração na atualização ou se o governo e as organizações de saúde considerarem essas fases inseguras para residentes ou visitantes.

Essas medidas foram determinadas pelo Ministério de Turismo e Aviação das Bahamas para garantir que os viajantes sintam-se seguros e manter as Bahamas como um destino saudável para se visitar.


Banner 3