Destaque Da Semana

Iberia Reduz Estrutura Para Enfrentar Crise De Covid-19

Itália Reabre Aeroportos Em Junho E Estima 80 Milhões De Visitantes

A Itália vai reabrir todos os aeroportos a partir de 3 de Junho, dia em que também reabre as fronteiras, depois do encerramento provocado pela pandemia de Covid-19.


A Itália, com 226.699 infectações confirmadas e 32.169 mortes até terça-feira, está em processo de aligeiramento de restrições devido a queda na curva epidemiológica registrada nas últimas semanas.

O encerramento de toda a atividade e confinamento no paí­s foi decretado no dia 9 de Março. Em 4 de Maio foi permitido o regresso ao trabalho de setores como o da construção ou do fabrico, e em 18 de Maio a maioria dos negócios voltou a atividade.

O levantar de restrições vai continuar no dia 3 de Junho, quando vão ser permitidas viagens entre regiões e vão ser abertas as fronteiras a viajantes da União Europeia, que não vão ser obrigados a ficar em quarentena, uma medida que visa salvar a temporada turí­stica de Verão. Os serviços de transporte público vão ter um novo aumento.

A companhia aérea italiana Alitalia adiantou que a partir de Junho vai retomar as ligações com Espanha, concretamente Madrid e Barcelona, com Nova Ioque e a ponte entre Milão, no norte, o epicentro da pandemia, e o Sul do país.

A crise do novo coronaví­rus afetou o transporte aéreo devido ao encerramento de fronteiras de muitos paí­ses com Itália e os aeroportos do país perderam 11,5 milhões de passageiros só no mês de março, segundo a Assaeroporti - Associação Italiana de Gestão Aeroportuária.

Esta associação estima que a Itália receba 80 milhões de turistas até ao final do ano, menos dos 120 milhões do que o previsto inicialmente.

Fonte: PressTur