Smiles Cria Campanha Para Ajudar Clientes Em Futuras Viagens

Iniciativa garante a evolução no acúmulo de milhas mesmo sem previsão para futuras viagens

A Smiles acaba de lançar uma campanha para ajudar os clientes do cartão de crédito do programa a aumentarem o saldo de milhas acumuladas durante o período da crise. Com a maioria das viagens canceladas, o programa de fidelidade desenvolveu essa alternativa para ajudar os clientes a continuarem movimentando seu saldo de milhas. De 1º a 31 de maio, a cada 2 milhas acumuladas com o cartão de crédito do programa, a Smiles presenteia o cliente com mais uma. Todas as milhas provenientes de pagamentos com o cartão de crédito Smiles no período vigente, serão bonificadas.


A companhia conta com quatro opções de cartões que atendem a todos os perfis e permitem acumular até 2,5 milhas por dólar gasto. Todas as compras feitas com o cartão de crédito Smiles geram milhas qualificáveis que ajudam o cliente a subir de categoria, como gastos em supermercados, farmácias e outras utilidades do dia a dia. Além de viagens, as milhas podem ser usadas em diversos produtos e serviços, como por exemplo, créditos de corrida do Uber, produtos do Shopping Smiles, shows e espetáculos, dentre outros.

É importante ressaltar que mecânica da campanha somente é válida mediante pagamento da fatura do cartão. Vale, no entanto, ficar atento ao regulamento específico do banco de preferência e o prazo que o pagamento leva a ser compensado, consulte o regulamento http://www.smiles.com.br/cartao-de-credito/milhas-bonus.

A campanha faz parte de uma série de iniciativas da Smiles para proteger os clientes do impacto provocado pelo Covid-19 no setor aéreo. Além da "Milhas Bônus", a companhia também anunciou a prorrogação da validade de categorias de seus clientes até 2022, estendendo o prazo para que eles desfrutem dos benefícios de cada categoria.

Outra solução da Smiles é o planejamento das viagens com até 330 dias de antecedência, fazendo apenas a emissão de passagem em formato de reserva por meio do serviço Viaje Fácil, mesmo sem saber se poderá viajar. O pagamento integral do bilhete aéreo deve ser feito apenas 60 dias antes da viagem e, caso não seja possível confirmar o voo, basta solicitar o cancelamento da passagem antes de realizar a quitação do bilhete.

Imagem: Bing Imagens