Air France Comprometida Com Diversidade De Gênero E Igualdade Profissional

Companhia aérea divulga números atuais e planos para garantir a equidade profissional de suas funcionárias; feminização, inclusão e liderança guiam as ações da companhia

Consciente de seu papel, a Air France tem um compromisso de longa data com a promoção da igualdade de gênero em suas equipes, além do estímulo a uma dinâmica positiva nas regiões em que opera.


Política De Igualdade De Remuneração

A Air France é a favor da igualdade de remuneração entre homens e mulheres. Desde 2008, a empresa adotou medidas de recuperação salarial para reduzir a diferença entre homens e mulheres dentro da empresa (para cargo, tempo de trabalho e habilidades comparáveis).

No âmbito do 5º acordo de três anos assinado com parceiros sociais sobre igualdade de gênero no local de trabalho, a empresa assumiu um compromisso mais ambicioso de reduzir significativamente o número de mulheres afetadas por essas diferenças salariais até o final do contrato (2021). A companhia aérea espera atingir essa meta.


Pontuação De 94/100 Para O Índice De Igualdade De Gênero

Em 1º de março de 2020, de acordo com suas obrigações legais, a Air France publicou pelo segundo ano o seu índice de igualdade profissional entre homens e mulheres. A empresa obteve uma pontuação de 94/100, um aumento de 5 pontos em relação ao ano passado. O limite mínimo estabelecido pelo governo francês é de 75/100.

Esse índice é baseado em 5 critérios -- diferença salarial, diferença no aumento salarial individual, diferença de promoções, aumento salarial no ano de retorno da licença de maternidade e número de homens/mulheres nas 10 faixas mais altas de salário.

Esse resultado reflete o compromisso e o trabalho de todos os funcionários da Air France para alcançar a verdadeira igualdade profissional, e é um incentivo para continuar esses esforços.


A Rede De Mulheres Do Grupo Air France Comemora Seu Segundo Aniversário

Women for Tomorrow (WoTo, e Mulhers para o Amanhã, em tradução livre) foi a ideia de várias mulheres da companhia aérea, que queriam criar um local de intercâmbio, com reuniões, debates e oficinas para promover as mulheres na empresa, e fortalecer a diversidade de gênero. Até o momento, a rede possui 500 membros, e está sendo desenvolvida nos diferentes escritórios da Air France.


Promover Um Local De Trabalho Inclusivo E Pôr Fim Ao Sexismo

Na sociedade, e nas empresas, embora tenha havido progresso real em termos de igualdade profissional, os estereótipos de gênero persistem. Essa é uma das áreas prioritárias de foco da Air France. Como tal, a Air France assinou a Carta da Diversidade e, em 2018, juntou-se a cerca de 30 grandes empresas francesas na iniciativa #StOpE, apoiada pelo governo. Desde março de 2019, de acordo com a nova lei francesa relativa à “Liberdade de escolher a futura carreira”, correspondentes em cada divisão são indicados para combater o assédio sexual e o comportamento sexista ofensivo, além de comentários em cada divisão para ouvir e apoiar a equipe, em suas ações. Os nomes e os detalhes de contato desses correspondentes são exibidos no local de trabalho, e na Intralignes, rede interna da companhia.

Em 2020, a empresa comprometeu-se a renegociar a Carta de Assédio, com a intenção de orientá-la de maneira mais global para evitar comentários rudes ou ofensivos, atos de violência e assédio no local de trabalho.

Feminizando As Profissões Antes Dominadas Por Homens

Na Air France, as mulheres também são pilotas, engenheiras, gerentes gerais, mecânicas, e ocupam muitos outros cargos ainda frequentemente associados aos homens. A feminização das profissões é um aspecto fundamental da igualdade profissional, e a Air France, promove o acesso das mulheres a todas as profissões, e incentiva as meninas a seguir esses caminhos profissionais.

A Air France promove mulheres, em profissões técnicas, em particular como parte do evento “Feminizing Airline Professions”, que ocorre há vários anos durante o Paris Air Show. Desde 2017, a Air France também é parceira da associação “Elles bougent” (meninas em movimento) para promover a diversidade na fase de orientação de carreira.

Mais de 60 patrocinadoras estão envolvidas, principalmente nas áreas de manutenção aeronáutica, TI e tecnologia digital, para participar de várias ações com meninas, e estudantes, do ensino médio, e inspirá-las para o futuro.


Liderança Feminina

A feminização das profissões também exige que as mulheres tenham acesso aos mais altos níveis de responsabilidade na empresa. Para promover o progresso na carreira das mulheres, a empresa organiza ações de treinamento, e apoio por meio do programa “Women of Talent”. Desde 2015, 150 mulheres seguem esse programa. Com 36,1% de gerentes do sexo feminino, 55,5% do Conselho de Administração composto por mulheres, e 30,8% no Comitê Executivo, a Air France visa alcançar uma diversidade real de gênero nos cargos de responsabilidade, priorizando as habilidades.


Reforçar As Medidas De Apoio Aos Funcionários Com Filhos

O treinamento específico para apoiar os funcionários que retornam ao trabalho após uma licença de maternidade e/ou parental existe desde 2016, com o objetivo de incentivar um retorno suave ao trabalho, promovendo um equilíbrio saudável entre vida profissional, e familiar. Como parte de um processo de melhoria contínua, o assunto dos pais e mães que trabalham será discutido durante a negociação do futuro acordo de igualdade de gênero, notadamente no que diz respeito às novas formas de parentalidade.