Publicidade

Postagem Em Destaque

TUI Reinicia Atividades De Verão Em Toda Europa

Imagem
A temporada de verão 2020 começa em mais e mais países. Todos os operadores turísticos e companhias aéreas da TUI estão prontos para reiniciar seus negócios. Os primeiros vôos de lazer já decolaram, por ex. da Alemanha, Bélgica ou Suíça. As Ilhas Baleares, Grécia, Chipre, Portugal e Croácia estão no foco das primeiras férias.


A TUI aprecia a iniciativa da Comissão Europeia de reabrir as viagens para países fora da UE em breve. É correto e reflete a demanda de muitos turistas em permitir viagens para países fora da UE sempre que possível de maneira segura e responsável, como na Turquia ou Marrocos. As conversas com os respectivos governos dão confiança de que seus protocolos de saúde e segurança atendem aos mais altos padrões da UE. Como um grupo de turismo integrado com suas próprias operadoras de turismo, hotéis e companhias aéreas, a TUI está bem preparada para oferecer férias nesses destinos populares a curto prazo, uma vez que as restrições nacionais de viagens tenham sido levanta…

Publicidade

Sun Class Airlines Nasce Da Falida Thomas Cook Escandinávia

A companhia aérea da Thomas Cook, na Escandinávia, será rebaptizada como Sun Class Airlines, depois que a divisão do norte da Europa do grupo for adquirida por um trio de investidores, e apesar da falência, em Setembro, a companhia aérea continuou a operar. A operação no norte da Europa da empresa de lazer, falida, também é conhecida como Ving Group, e inclui atividades de operadores turísticos na Noruega, Suécia, Dinamarca e Finlândia.


De acordo com o Ving Group, o seu principal negócio é o turismo de férias fretadas, com a Thomas Cook Airlines Escandinávia representando 85% de seu volume.

Os vários serviços da companhia, que opera, atualmente, cerca de 14 aeronaves, entre A330s e A321s, estão sendo transferidos para um novo grupo, com algumas das empresas componentes declarando falência técnica para que possam ser assumidas pelo grupo que está sendo criado pelo consórcio. Recordamos que o grupo chinês Fosun comprou a operadora Thomas Cook por onze milhões de libras (cerca de 12,7 milhões de euros).

De acordo com um contrato de compra anunciado na noite de 01 de Novembro em um comunicado, a Fosun será proprietária da marca Thomas Cook, bem como da subsidiária macas Casa Cook e Cook’s Club.

A compra permitirá desenvolver “o forte crescimento do turismo chinês no exterior”, disse Qian Jiannong, presidente da divisão de viagens da Fosun. Segundo a BBC o responsável explicou que "a aquisição da marca Thomas Cook irá permitir ao grupo expandir o seu negócio de turismo construindo em cima da enorme notoriedade da marca e o momento robusto do turismo externo chinês”

A falência da Thomas Cook, em Setembro, deixou 22.000 pessoas desempregadas; e levou o governo britânico a repatriar cerca de 140.000 turistas.

Em Outubro a Hays Travel comprou por seis milhões de libras (cerca de 6,9 milhões de euros) um total de 555 lojas da empresa, que davam emprego a 2.500 trabalhadores.