Norwegian Confirma O Fechamento Da Base De Madri E Anuncia Um ERE

O "excedente de tripulação" da Norwegian pode afetar entre 100 e 150 pilotos em toda a Espanha, segundo a Sepla

A companhia aérea norueguesa anunciou ontem (01) que realizará um “processo coletivo permanente” (Expediente de Regulamentação do Emprego - ERE) que afetará toda a força de trabalho na base de Madri, e temporário (Arquivo de Regulamentação Temporária do Emprego), para vários tripulantes indeterminados em todo o país.


O sindicato dos pilotos (SEPLA) se reuniu ontem, mesmo, com representantes da companhia aérea norueguesa para discutir essas questões após o processo de reavaliação de sua pequena rede de rádio na Espanha, após o que a empresa confirmou a continuidade de suas duas bases operacionais nas Ilhas Canárias (Tenerife Sul e Gran Canaria), cujo fechamento estava previsto para novembro próximo e a interrupção da atividade de seis rotas de curta distância; todas de Madri.

Conforme relatado pela Low-Cost norueguesa aos representantes dos trabalhadores, sua intenção é iniciar um processo coletivo permanente que afetaria toda a força de trabalho na base de Madri, onde emprega cerca de 70 pilotos.

Além disso, realizará outro processo temporário para um certo número de tripulantes em toda a Espanha para gerenciar “os efeitos adversos” do aterramento de um grande número de Boeing 737 MAX e da sazonalidade nos próximos meses de inverno. Segundo a Sepla, o “excedente de tripulação” da Norwegian poderia afetar entre 100 e 150 pilotos em toda a Espanha.

De qualquer forma, a Norwegian expressou sua intenção de "minimizar", em colaboração com os sindicatos, o impacto entre os membros da tripulação, e especialmente, entre os baseados em Madri.

A Norwegian emprega mais de 2.200 pessoas na Espanha, incluindo equipes, pessoal administrativo, de manutenção e assistência em terra. Com 8,8 milhões de passageiros transportados nos doze meses até 31 de agosto, a Norwegian é a oitava maior companhia aérea do país.

Durante a próxima temporada de inverno, que começa no domingo, 27 de outubro, a Norwegian operará 79 rotas na Espanha, cinco delas de longa distância para os Estados Unidos, a partir de nove aeroportos localizados na Península, Ilhas Baleares e Canárias.

Comentários