AHIF: Marriott Adicionará 40 Hotéis Na África Até 2023

A partir do Africa Hotel Investment Forum (AHIF) em Adis Abeba, na Etiópia, a Marriott International reforçou seu compromisso com a África ao anunciar que espera adicionar 40 propriedades, e mais de 8.000 quartos em todo o continente até o final de 2023. A empresa também anunciou acordos assinados para abrir sua primeira propriedade em Cabo Verde, e expandir ainda mais sua presença na Etiópia, Quênia e Nigéria.


Estima-se que o pipeline de desenvolvimento da Marriott até 2023 gere investimentos de mais de US$ 2 bilhões de proprietários e espera-se que gere mais de 12.000 novos empregos na África - onde o portfólio atual da gigante hoteleira, na África, abrange cerca de 140 propriedades, com mais de 24.000 quartos em 14 marcas, e 20 países e territórios.

"A África é uma terra de oportunidades com potencial inexplorado e continua sendo o centro da nossa estratégia", disse Alex Kyriakidis, presidente e diretor administrativo, Oriente Médio e África, Marriott International.

"O crescimento econômico que a região está testemunhando, juntamente com a ênfase substancial que os países do continente estão colocando no setor de viagens e turismo, nos apresentam imensas oportunidades de crescimento."

"Com marcas de estilo de vida convincentes e bem estabelecidas e o Marriott Bonvoy, nosso programa de viagens líder do setor, continuamos a oferecer atributos diferentes que ressoam com a classe média em rápido crescimento da região e atendem a seu mercado em evolução", acrescentou Kyriakidis.

O crescimento esperado da Marriott até 2023 é impulsionado por uma forte demanda e um crescimento constante de suas marcas premium, e de serviços selecionados - lideradas pelos hotéis Marriott com oito aberturas previstas e seis aberturas previstas nos Protea Hotels by Marriott. Espera-se que a empresa introduza as marcas Courtyard by Marriott, Residence Inn by Marriott e Element Hotels.

A Marriott também continua vendo oportunidades de crescimento para suas marcas de luxo e espera dobrar seu portfólio de luxo na África até o final de 2023, com mais de dez novas aberturas nas marcas Ritz-Carlton, St. Regis, Luxury Collection e JW Marriott. A empresa também espera lançar o W Hotels na África com a abertura do W Tangier no Marrocos até 2023. Os principais mercados que alimentam o crescimento da Marriott na África incluem Marrocos, África do Sul, Argélia e Egito.

“A presença estabelecida e a experiência local da Marriott, na África, juntamente com nossas diversas marcas e a força coletiva de nossa plataforma global, nos colocam em uma ótima posição para melhorar ainda mais nossa presença na região em que os proprietários procuram desenvolver acomodações de alta qualidade com marcas que podem diferenciar e elevar seu produto ”, comentou Jerome Briet, diretor de desenvolvimento do Oriente Médio e África, da Marriott International.


Comentários