Destaque Da Semana

Iberia Reduz Estrutura Para Enfrentar Crise De Covid-19

Costa Rica Lança Seis Projetos Para Impulsionar O Turismo

Seu objetivo é que as cidades de Sarapiquí e Turrialba não sejam apenas destinos de passagem para outros pontos do país

O Instituto de Turismo da Costa Rica (ICT) lançou seis projetos para impulsionar o turismo nas áreas de Sarapiquí e Turrialba. Esses projetos, que fazem parte do Programa de Gestão Integral de Destinos Turísticos, têm o objetivo de atrair turistas nacionais e estrangeiros para conhecer todos os seus variados produtos turísticos e não apenas destinos para outras partes do país.


A zona de Sarapiquí está localizada ao norte da província de Heredia, e Turrialba na província de Cartago, localizada a menos de três horas de San José, a capital da Costa Rica. O ICT destaca sua ampla gama de produtos turísticos em atividades de aventura, natureza, observação de pássaros e elementos de resgate cultural.


Sarapiquí

A prioridade de Sarapiqui é abrir uma nova entrada para o Parque Nacional Braulio Carrillo para facilitar o acesso à floresta tropical, um projeto que suporta a Prefeitura, a Câmara de Turismo da área, o Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SINAC) e os empresários da área, e da comunidade envolvente.

Além disso, a sinalização turística, e as condições turísticas e culturais na cidade de Puerto Viejo de Sarapiquí serão melhoradas com a criação de espaços que ressaltem a identidade e a riqueza do destino.


Turrialba

Turrialba terá três projetos prioritários que são a reabertura do Vulcão Turrialba, melhorar a experiência de visitar o Monumento Nacional Guayabo e desenvolver uma rota temática aproveitando a denominação de origem "Queso Turrialba" como uma atração turística.

Para reabrir o Turrialba foi criada a Comissão Nacional de Emergência, que irá desenvolver o plano e as ações anteriores que eram exigidas para alcançar o objetivo dos projetos.

A Ministra do Turismo, María Amalia Revelo, destacou a liderança dos governos locais e as forças vivas de Sarapiquí, Turrialba e Jiménez. "Com o apoio da ICT, são os sarapiqueños e turrialbeños que decidiram onde eles vão querer estar em cinco anos, onde eles são as locomotivas do trem, e a instituição um vagão à mais."

"Queremos facilitar o investimento em hotéis, aumentar o pernoite e incentivar novos produtos turísticos que diferenciam cada centro de desenvolvimento turístico", concluiu a ministra do Turismo.

Fonte: Agenttravel - Destinos

Comentários