Destaque Da Semana

Iberia Reduz Estrutura Para Enfrentar Crise De Covid-19

Braga: Taxa Turística Potenciará O Crescimento Do Turismo

A partir de Julho, Braga vai aplicar uma taxa turística que visa “sustentar políticas e iniciativas que, embora desenvolvidas numa lógica de parceria, são predominantemente assumidas através do orçamento do município”, considera Ricardo Rio, presidente da CM Braga

Foi no decorrer na segunda edição do Fórum de Turismo de Braga, na ultima sexta-feira (5), no Altice Forum Braga, que Ricardo Rio falava do futuro do turismo no concelho. O autarca apontou desafios como em continuar a garantir o equilíbrio entre uma nova realidade turística e as dinâmicas da cidade, e o reforço da promoção e visibilidade internacional de Braga, o apostar na qualificação da oferta e abrir espaço para que apareçam novos projetos de empreendedorismo, para que a oferta seja mais diversificada.


O presidente da CM Braga, ciente de que esta dinâmica exige recursos, atesta não ser “por acaso” que a partir de Julho será aplicada uma taxa turística no conselho. Explicou que o município “investe para que os agentes privados possam obter retorno da procura e afluência turística” e que “por isso, é uma lógica de partilha que nos parece ser equilibrada e, ao contrário de outros locais onde a taxa turística serve para afastar turistas, em Braga será aplicada para potenciar o crescimento do turismo”.

Em declarações à Agência Lusa, em Janeiro deste ano, o autarca tinha já avançado que o valor desta taxa turística se fixaria nos € 1,50, estimando que seria, assim, capaz de gerir cerca de meio milhão de euros por ano. Em Agosto do ano passado, Altino Bessa, vereador com o pelouro do Turismo, falava ao Turisver.com da possível criação desta taxa turística, cujas verbas reverteriam “para o turismo, no sentido de promover e ajudar a que alguns eventos que tenham interesse para Braga possam ser realizados”.


Comentários