Destaque Da Semana

Vinci E Dominicana Constroem Centro De Resíduos No Aeroporto Las Américas

A operadora de aeroportos francesa Vinci Airports, subsidiária da Aerodom, assinou um contrato de colaboração com Dominica Limpia para construir um centro de recuperação de resíduos no Aeroporto Internacional Las Américas

A empresa dominicana Aerodom, que possui um contrato de concessão com o estado para administrar seis aeroportos na República Dominicana, administra o aeroporto Las Américas, e como parte de um novo programa de gerenciamento de resíduos, até 160t de resíduos recicláveis produzidos pelo terminal e escritórios no aeroporto de Las Americas serão armazenados pelo centro de recuperação para reciclagem - onde os usuários do aeroporto, passageiros, funcionários e subcontratados receberão programas de educação, visando mudar a mentalidade sobre a redução e a separação de resíduos.


Estes exercícios são parte integrante da estratégia ambiental AirPact da Vinci Airports, que estabelece um compromisso ambiental global baseado em quatro objetivos compartilhados na qual as metas são obter e manter o Airport Carbon Accreditation (ACA) para todos os aeroportos da rede, assim como reduzir o consumo de energia dos Aeroportos Vinci em 20% entre agora e 2020 - onde também será realizado um levantamento sobre questões de biodiversidade para todos os aeroportos. O outro objetivo é obter a certificação ISO 14 001 para todos os aeroportos.

Em Janeiro deste ano, a subsidiária Aeroportos de Portugal (ANA) da Vinci Airports assinou um acordo com o Governo de Portugal para investir € 1.15 bilhões (£ 1 bilhão) na expansão da capacidade do aeroporto de Lisboa até 2028 e abrir um novo aeroporto civil em Montijo.

Durante o mesmo mês, a Vinci Airports concordou em comprar 50,01% do London Gatwick Airport da Global Infrastructure Partners (GIP) por US$ 3,68 bilhões.

Fonte: Airport Technology - Airports - News

Comentários